Mediação de conflitos: uso do diálogo e exercício de cidadania

Mediação de conflitos: uso do diálogo e exercício de cidadania.

Pequenos conflitos da comunidade podem ser solucionados de forma definitiva e gratuita, através do Núcleo de Mediação Comunitária da Polícia Militar, conhecido como Numec.

Pioneiro, o Numec de Franca é o único em funcionamento na região de Ribeirão Preto. Os trabalhos começaram em fevereiro de 2019, na 5ª Companhia da Polícia Militar de Franca, localizada na Vila Exposição.

Foi criado com o objetivo de atender uma demanda que a PM possuía em relação às ocorrências de perturbação de sossego como som alto em estabelecimentos, conflitos entre familiares ou vizinhos que não envolvam crimes e acidentes de trânsito sem vítimas.

As pessoas que precisam resolver situações de desentendimentos podem procurar pessoalmente o Numec, podem ser procuradas pelo policial militar mediador em casos selecionados no banco de dados da PM, podem ser encaminhadas ao Numec pelo policial durante o atendimento de ocorrências ou podem simplesmente ligar no 190.

O Núcleo de Mediação vai propor às partes envolvidas que participem de uma sessão de mediação. Durante a sessão, as pessoas são estimuladas a buscarem soluções para resolverem os próprios conflitos, através de um policial capacitado para a mediação, que atende aos requisitos do Tribunal de Justiça.

“Atualmente contamos com 4 policiais capacitados para a mediação em Franca. Em um ambiente pacífico, com um diálogo pacífico, você consegue ajudar as pessoas a resolverem os problemas que as trouxeram até aqui”, disse o 1º tenente subcomandante da 5ª Cia da PM e oficial de ligação do Numec, Victor Manuel de Mattos Andrade Filho.

Inclusive, em casos de descumprimento do acordo, as próprias pessoas podem estipular uma multa. Caso os acordos sejam frutíferos, são encaminhados para a homologação judicial. Se infrutíferos, são arquivados pela Polícia Militar.

Com pouco mais de 5 meses de atuação, já foram realizadas 138 sessões de mediação, com 250 participantes. Aproximadamente 1.100 ligações realizadas pela Polícia e em torno de 3.000 a 5.000 pessoas envolvidas indiretamente no Numec.

Além disso, o Numec alivia as viaturas de policiamento preventivo ostensivo. Segundo dados da PM, até o dia 31/05 foi possível reduzir 41% das ocorrências de perturbação de sossego. “Demanda um período de tempo para atender essas ocorrências, ou seja, são 87 horas a mais de viatura disponível. Dessas 87 horas que as viaturas estariam atendendo perturbação de sossego, elas estavam na rua efetivamente patrulhando”, afirma Andrade Filho.

O tenente disse que, infelizmente, o principal problema dos cidadãos é o medo que têm de se expor, de não querer se comprometer. “É importante que a pessoa assuma a parte de responsabilidade e venha conversar com a outra parte, para desmitificar o lado do outro”.


Texto e Imagem Disponíveis em: https://gcn.net.br/noticias/399838/franca/2019/07/mediacao-de-conflitos-uso-do-dialogo-e-exercicio-de-cidadania

logo